in

Jornalistas temem que Lula transforme velório do neto de 7 anos em comício

Fotomontagem: Bruno Avila / DOL / Jornal do Pais
Publicidade

É praticamente unanimidade na opinião pública que Lula poderia ir ao velório de seu neto de apenas sete anos. No entanto, a juíza responsável pelo petista, o liberou conforme uma Lei que permite a saída de presos para velórios de parentes de primeiro grau ou descendentes, no caso, o neto se encaixa.

Jornalistas na Jovem Pan resolveram comentar sobre o assunto e concordaram sobre o ex-presidente ir ao velório, pois na opinião de Felipe Moura Brasil, José Maria Trindade e Rodrigo Constantino, trata-se de um ato humanitário.

Entretanto, os jornalistas comentaram também sobre a possibilidade que parte da direita está cogitando. Na época em que sua esposa Marisa morreu, Lula fez discursos no microfone e foi acusado de ter feito um comício, agora alguns acreditam que o ex-presidente possa fazer o mesmo.

Publicidade
Publicidade
Publicidade

Contudo, os jornalistas temem que Lula faça um novo comício no velório, ainda mais por se tratar da morte de um neto de sete anos. Mas todos concordam que este fato seria uma falta humanidade e que não deve acontecer, até mesmo por conta da repercussão negativa que teve quando feito no velório de Marisa.

O jornalista Rodrigo Constantino afirmou que espera que os petistas tenham um resquício de bom senso para que não transformem o velório de uma criança em um comício político, aí sim poderia ser altamente criticado. Porém, o jornalista afirmou que o fato de se cogitar isso, não pode fazer com que o outro lado perca quaisquer resquícios de humanidade e comemorarem a morte de uma criança de apenas sete anos.

Publicidade
Publicidade
Publicidade
Bruno Avila

Escrito por Bruno Avila

Redator de futebol, política e famosos desde 2016. Hoje um dos redatores mais lidos do 1News Brasil. Fique à vontade para falar comigo: [email protected]