in

Padre Fábio de Melo fala sobre a morte do neto de Lula e comove a todos

(Foto: Reprodução/Veja São Paulo)
Publicidade

Nada vai bem na vida do ex-presidente da República, Luiz Inácio Lula da Silva, preso desde o último dia 7 de abril. Recentemente, Lula perdeu o seu irmão, conhecido como Vavá, e agora o seu neto Arthur, de apenas sete anos.

Ontem o dia foi movimentado entre líderes políticos e demais personalidades, que comentaram sobre o caso. Ainda que muitos demonstrassem compaixão e empatia, foram vários casos de ataques virtuais contra o ex-presidente, inclusive, a blogueira e Youtuber Alessandra Strutzel, que comemorou o falecimento do garoto e sendo alvo de críticas. “Pelo menos uma notícia boa“, postou a blogueira em sua rede social.

Em meio a esse oásis da falta de discernimento, o Padre Fábio de Melo, um dos personagens mais ativos e amados nas redes sociais, comentou sobre o trágico incidente e não decepcionou seus fãs e seguidores. “Que as nossas diferenças políticas não nos privem da solidariedade que nos torna humanos. Uma criança está morta. Nada pode ser mais doloroso ao coração de uma família“. Disse o padre em sua conta no twitter. 

Publicidade
Publicidade
Publicidade

Ele ainda relembrou que durante a sua infância, em Terra Boa (PR),  uma cena o comoveu. Após a morte do filho do prefeito, seu oposicionista de anos que disputava acirradamente aos cargos públicos da cidade, entrou na casa do adversário e encontrou o prefeito ao lado do filho morto. O opositor então chorou junto com o prefeito e deram um abraço prolongado. A cena comoveu a todos na cidade, inclusive o padre, que fez questão de destacar a história por seu caráter humanístico. 

O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva deixou a prisão na Superintendência da Polícia Federal em Curitiba na manhã deste sábado (02) e já está a caminho de São Bernardo do Campo, em São Paulo, para ir ao velório do neto

Publicidade
Publicidade
Publicidade