in

Apresentador defende Bolsonaro e revela suposto esquema milionário por trás da Globo

Divulgação / Globo - Montagem: Bruno Avila
Publicidade

O advogado e apresentador de um canal no YouTube, Luiz Carlos Nemetz, fez um texto e um vídeo respondendo a um artigo do jornalista Rodrigo Constantino.

Em seu artigo, Constantino conta que o patrulhamento reverso à mídia é estimulado pelos governantes, principalmente pelo Governo Bolsonaro. Os governantes, segundo o jornalista, estariam tentando insuflar o povo para intimidar as editorias dos grandes veículos de imprensa.

No entanto, Luiz Carlos respondeu e concordou que os governos, principalmente de Bolsonaro, querem se manter longe da reprovação da opinião pública; porém defendeu o presidente quando disse que a mídia não faz um trabalho imparcial.

Publicidade
Publicidade
Publicidade

É a partir daí que Luiz revela um suposto esquema milionário que ele acredita existir por trás do Grupo Globo. Segundo o apresentador do YouTube, a emissora carioca estaria sendo financiada por uma grande agência de investimentos – esta que estaria bancando os principais programas, jornais e até a própria rádio do Grupo Globo.

Contudo, Luiz conta que também tem uma especialização em economia e que, esta agência (a qual ele não cita o nome) estaria interessada na instabilidade do país, pois com os juros altos que se sustentaria uma suposta grande sociedade de rentistas; que são aqueles que só vivem de renda e enxergam o Brasil como um paraíso, por ter imensos juros. 

Assista:

Luiz conclui que, então, para a agência que supostamente financia o Grupo Globo, o ideal é que o Brasil não se abra para o liberalismo econômico. Inclusive, ele faz uma comparação: no Brasil existem apenas cerca de 50 bancos grandes e nos Estados Unidos são mais de 12 mil. Isso seria ideal para aqueles que vivem apenas da especulação.

Publicidade
Publicidade
Publicidade
Bruno Avila

Escrito por Bruno Avila

Redator de futebol, política e famosos desde 2016. Hoje um dos redatores mais lidos do 1News Brasil. Fique à vontade para falar comigo: [email protected]