in

Surto que matou mais de 70 mil assombra navio de cruzeiro que levava Wesley Safadão

Fotomontagem: Instagram Wesley Safadão / Prefeitura Balneário Camboriú/Diogo Marcondes
Publicidade

O navio MSC Seaview, que levava cerca de 10 mil pessoas em um cruzeiro, atracou no Porto de Santos, litoral sul de São Paulo, na manhã desta quarta-feira (20). O embarque, no mesmo local, havia acontecido no sábado (16). O cruzeiro, que passou por Santa Catarina, teve show do cantor Wesley Safadão, mas a volta para Santos não foi nada boa.

De acordo com o Ministério da Saúde, 13 casos de sarampo foram confirmados em tripulantes de diversas nacionalidades. Por conta disso, um mutirão de vacinação está sendo realizado dentro e fora do navio para imunizar as cerca de 10 mil pessoas, que estão desembarcando e embarcando no cruzeiro.

Os estados de Santa Catarina e São Paulo notificaram 18 casos ao Centro de Informações Estratégias em Vigilância em Saúde do Ministério da Saúde. Treze casos foram confirmados por meio de exames.

Publicidade
Publicidade
Publicidade

Os casos suspeitos da doença são em tripulantes de diversas nacionalidades, como Índia, África do Sul, Ucrânia, Itália e Brasil. A orientação para as pessoas que desembarcaram dias antes, sem tomar a vacina, é que procurem postos de saúde de onde moram e se vacinem.

Os passageiros do navio que tinham até 49 anos e seis meses receberam a tríplice viral, que protege contra sarampo, caxumba e rubéola. Nos últimos anos, casos de sarampo tem aumentado em todo o Brasil. Especialistas acreditam que parte disso se deve ao movimento de pessoas que são contra vacinas e tem evitado imunizar os filhos.

Os sintomas do sarampo são coriza, conjuntivite, manchas vermelhas pelo corpo, dor de cabeça e febre alta.
Em 2015, mais de 70 mil pessoas morreram de sarampo em todo o mundo.

Publicidade
Publicidade
Diogo Marcondes

Escrito por Diogo Marcondes

Jornalista formado desde 2015. Jornalista por vocação desde que nasceu. Redator da i7 Network. Aqui escrevo sobre política, futebol, TV & famosos e qualquer outro assunto que esteja repercutindo no Brasil e no mundo.
Entre em contato comigo pelo @DiogoMarcondes no Twitter!