Mourão solta o verbo sobre demissão de Bebianno: ‘De hoje não passa’

Leia também

Tome esta bebida milagrosa todas as noites e perca peso como nunca

A bebida é feita apenas à base de ingredientes simples e naturais, o que faz bem à saúde.

Perito analisa linguagem corporal de Felipe Prior após ele negar abuso e não deixa pedra sobre pedra

Vitor Santos, especialista em linguagem corporal, fez parecer sobre vídeo em que Prior nega abuso.

Greve dos caminhoneiros nesta terça (7)? Categoria revela toda verdade em meio à pandemia

A notícia sobre uma suposta paralisação dos caminhoneiros vem circulando em grupos de WhatsApp.

Aparição de Cristiano Araújo, 5 anos após morte, deixa fãs eufóricos

O vídeo ao vivo aconteceu hoje e acabou emocionando muitos fãs nas redes sociais.
Rodrigo Monteiro
Um dos primeiros redatores da plataforma I7 network, já trabalhou em outras plataformas de internet, sempre escrevendo notícias em primeira mão para quem gosta de viver bem informado. Os principais assuntos do mundo esportivo e do mundo dos famosos estão aqui, com textos leves e interessantes, Rodrigo Monteiro faz parte do grupo de colunistas do Radar Esportes, TV Prime e 1News três sites de notícias mais populares da internet.
Publicidade

A expectativa era de que a exoneração do ministro da Secretaria Geral da Presidência, Gustavo Bebianno, fosse ocorrer na manhã desta segunda-feira (18). No entanto, a demissão ainda não aconteceu, e integrantes do governo aguardam a definição do presidente, Jair Bolsonaro, sobre esse imbróglio que começou na semana passada. 

E em entrevista ao jornal O Estado de São Paulo e ao portal G1, o vice-presidente da República, Hamilton Mourão, expressou claramente sua opinião. “De hoje não passa, eu acho que ele vai ser sim exonerado pelo presidente”, opinou o político.

Publicidade

Questionado pelo real motivo da não exoneração, Mourão se mostrou em dúvida e acredita que o presidente tem motivos para esperar. “Acho que não foi exonerado ainda, porque o presidente estava aguardando alguma coisa, sei lá…“, explicou.

Entrevista de porta voz da presidência

O Diário Oficial da União (DOU) foi muito aguardado por conta da expectativa do documento trazer, oficialmente, a decisão de Jair Bolsonaro sobre Bebianno. No entanto, isso não ocorreu. Mas interlocutores do governo garantem que o porta-voz da presidência, general Otávio Rêgo Barros, deverá trazer informações atualizadas sobre o assunto em uma entrevista coletiva com jornalistas, que deverá ocorrer por voltas das 17 horas ainda desta segunda.

Publicidade

Aliados da ala militar do governo estão pressionando Bolsonaro para dar fim a essa história com Gustavo Bebiano; já que o clima de guerra se acirrou nos últimos dias, criando uma certa instabilidade na cúpula governista. Essa ‘crise’ ainda pode atrapalhar uma eventual aprovação futura sobre a Reforma da Previdência, medida estrutural tão necessária para o controle das despesas públicas.