in

Polícia monta mega operação contra possíveis ataques do PCC e prende 326 pessoas

RecordTV
Publicidade

A Polícia Militar prendeu mais de 326 pessoas da manhã de quarta-feira (13) até a madrugada da quinta-feira (14).

A operação foi montada em pontos considerados “estratégicos” pela Polícia Militar do Estado de São Paulo. O intuito era evitar possíveis ataques por causa da transferência de Marco Williams Herbas Camacho, o Marcola, e mais 21 presos apontados como líderes da facção do PCC (Primeiro Comando da Capital).

Eles foram levados da penitenciaria 2 de Presidente Venceslau, no interior do Estado de São Paulo, para três grandes presídios federais da Capital. Ao todo, foram montados 3.362 bloqueios. Os agentes que participaram da operação realizaram mais de 66 mil abordagens.

Publicidade

O balanço que foi divulgado pela Secretaria Estadual de Segurança Pública nesta quinta-feira (14), 33 mil veículos passaram por vistorias. Nos pontos que foram bloqueados pela polícia, foram feitas 226 prisões de pessoas praticando diversos ilícitos.

Publicidade

Entre as apreensões feitas estavam 97 quilos de drogas, 16 armas e 64 carros com queixa de roubo. Além disso, mais 100 pessoas que estavam com seus mandados de prisão expedidos foram capturadas.

Operação contra possíveis ataques do PCC se estendeu ao longo de toda quinta-feira (14)

A ação preventiva estava prevista para continuar por toda a quinta-feira. Através de nota, a secretária informou que as buscas iriam continuar e, reforços de polícia seriam feitos em rodovias, terminais de ônibus e aeroportos. Ainda não foi divulgado se alguma prisão foi feita ao longo desta quinta-feira (14). 

Publicidade

Inscreva-se em nosso canal no YouTube e fique por dentro de tudo o que acontece. CLIQUE AQUI

Publicidade
Rômulo NC

Escrito por Rômulo NC

Ator, youtuber e redator, Rômulo N.C é formado pela casa de artes cênicas Recriarte e sempre atuou como escritor de diversos sites.