in

Saiba o que causou o incêndio no CT do Flamengo, que resultou em mortes

Reprodução / TV Globo
Publicidade

O incêndio que destruiu o alojamento de atletas no CT do Flamengo, em Vargem Grande, zona oeste do Rio de Janeiro, na madrugada desta sexta-feira (8), causou dez mortes e deixou de luto todo o futebol brasileiro.

Publicidade

O fogo começou por volta das 5h da manhã e causou estrago no alojamento onde ficavam atletas de 14 a 17 anos. Dez pessoas morreram. Seis deles foram confirmados, são atletas e têm entre 14 e 15 anos.

Publicidade

Seis mortos foram identificados até o momento: Christian Esmério, de 15 anos; Arthur Vinícius de Barros Silva Freitas, de 14 anos; Pablo Henrique da Silva Matos, de 14 anos; Bernardo Pisetta, de 15 anos; Vitor Isaias, de 15 anos; e Athila Paixão, de 15 anos.

A prefeitura, conforme informou o jornal Folha de S. Paulo, tinha liberado o local onde foram construídos os alojamentos apenas para estacionamentos. O Flamengo ainda não se posicionou sobre a situação.

Publicidade

Nas redes sociais, muitas pessoas questionam onde começou o incêndio. A principal linha de investigação das autoridades é que tenha começa no ar-condicionado de um dos quartos do alojamento.

O vice-governador do Rio de Janeiro, Cláudio Castro, esteve no Ninho do Urubu horas depois do incêndio e afirmou que a principal suspeita no momento é de que tenha ocorrido uma pane elétrica no aparelho. Esta pane teria causado o incêndio.

Chegou a circular a notícia de que velas teriam causado o incêndio. A informação não foi confirmada por nenhum órgão envolvido no resgate. Tudo indica que o local tenha ficado sem energia – daí surgiu a informação do uso de velas – somente depois do incêndio ter começado em um equipamento elétrico.

Publicidade

Leia Também

Escrito por Diogo Marcondes

Jornalista formado desde 2015. Jornalista por vocação desde que nasceu. Redator do i7 Network.

Juventus mais forte: 4 reforços para rodear Cristiano Ronaldo

Bitcoin tem alta de 10% em menos de uma hora e agita mercado das criptomoedas