in

Felipão perde a linha com Deyverson e toma medida drástica

Globo Esporte
Publicidade

O clima no Palmeiras após a derrota para o Corinthians no Allianz Parque não é um dos melhores. Agora a equipe Alviverde vive sob pressão da torcida, que não aceitou a derrota para o maior rival em casa.

Um dos responsáveis pela derrota, Deyverson, foi chamado para uma reunião no CT do Palmeiras nesta terça-feira (5). O técnico Luis Felipe Scolari promete tomar medidas drásticas com o centroavante.

O jogador foi expulso na partida contra o Corinthians. Ele havia entrado no segundo tempo como a ‘esperança’ de gol no adversário. A partida estava 1 a 0 para o Alvinegro quando Deyverson entrou no segundo tempo e acabou expulso por cuspir no jogador rival.

Publicidade
Publicidade
Publicidade

O atleta sofreu a falta e foi pressionado pelos jogadores do Corinthians, e logo em seguida cuspiu na cara de Richard. O centroavante foi expulso direto pelo árbitro, que saiu de campo sem ao menos reclamar.

A expulsão foi tão ruim para o atacante, que ele conseguiu ser criticado por todos: torcida, jogadores, diretoria e pela torcida rival. Deyverson será julgado e poderá pegar uma pena de 6 a 12 jogos de suspensão.

Logo após a partida, o técnico Luiz Felipe Scolari deu entrevista coletiva, e disse que Deyverson não merecia ser expulso apenas uma vez, e sim umas três. Sua atitude foi duramente criticada pela comissão técnica e diretores do Verdão.

Desde que chegou no Palmeiras, Deyverson já foi expulso ao todo 6 vezes. Contra o Corinthians essa foi a segunda oportunidade. Ele já havia sido expulso em 2017 na Arena Corinthians, por ter dado uma cotovelada na cara de um jogador corinthiano.

Publicidade
Publicidade
Bruno Avila

Escrito por Bruno Avila

Redator de futebol, política e famosos desde 2016. Hoje um dos redatores mais lidos do 1News Brasil. Fique à vontade para falar comigo: [email protected]