in

Um dia após passar mal, Bolsonaro apresenta quadro estável

Veja Abril
Publicidade

Após mal-estar, o presidente da república, Jair Bolsonaro, apresenta quadro estável de acordo com o comunicado realizado pelo hospital Albert Einstein, de São Paulo. Bolsonaro está em jejum e usando uma sonda nasogástrica, que elimina a grande quantidade de líquido presente no estômago. Também foi comunicado que o presidente segue com restrição de visitas por indicação médica.

Publicidade

Neste domingo, Bolsonaro realizou uma tomografia de abdómen. A análise desconsiderou complicações cirúrgicas. Na última segunda (28), o político precisou passar por uma operação para a retirada da bolsa de colostomia. Vale lembrar que o presidente a utilizava desde o atentado que sofreu em 6 de setembro.

Publicidade

De acordo com o boletim médico, Bolsonaro não apresenta infecção e está sem dor. No hospital, ele faz fisioterapia respiratória e motora, além do tratamento preventivo contra trombose venosa.

Na tarde deste domingo, o filho de Bolsonaro, Carlos, se pronunciou nas redes sociais e relatou que o presidente havia acordado disposto. Ele também agradeceu a todos os profissionais envolvidos na recuperação e tratamento do político.

Publicidade

No sábado, Carlos chegou a comentar que seu pai não estava muito bem, mas que graças aos grandes especialistas do hospital, o estado de Jair havia normalizado. Essa ocasião foi a primeira recaída do presidente, que até então, apresentava um quadro estável e melhoras sucessivas.

Segundo as recomendações médicas, Bolsonaro não deve fazer videoconferências, pois é indicado que ele evite falar durante a recuperação.

Publicidade

Leia Também

Cristiano Ronaldo solta ‘bomba’ sobre o Real Madrid – Barcelona

Escola de samba provoca Bolsonaro, coloca Hitler com faixa presidencial e se dá mal