in

Dois trens se chocam em São Paulo ZL e deixam usuários assustados

Publicidade

Dois trens da Linha 15 – Prata do monotrilho de São Paulo se chocaram por volta das 23h desta terça-feira (29). O caso aconteceu na Zona Leste de São Paulo. Os bombeiros foram acionados, cerca de quatro viaturas foram deslocadas para atender o ocorrido.

Segundo o Corpo de Bombeiros a colisão ocorreu nos trilhos que passam sobre a Avenida Sapopemba, na estação Jardim Planalto, não houve vítimas. Uma peça de metal por onde passam os volts que energizam o trem chamada caiu na Avenida Professor Luiz Ignácio Anhaia Mello e foi encontrada por passageiros.

No momento da colisão, muitos usuários registraram o momento e compartilharam em suas redes sociais. O metrô de São Paulo chegou a declarar no twitter que a colisão aconteceu após uma manobra e que no momento da colisão os trens estavam vazios.

Publicidade
Publicidade
Publicidade

Na manhã desta quarta-feira (30) os trens que bateram continuam no mesmo local, aguardando analise. Funcionários colocaram uma lona por cima para cobrir os trens. O diretor de operações do Metrô, Milton Gioia informou que para não comprometerem mais os trens que já estão danificados, eles foram cobertos devido possuírem sistema de eletrônicos.

Devido ao ocorrido, hoje (30) os trens circulavam com a velocidade reduzida na linha Prata. Gioia informou, ainda, que está sendo apurado o que provocou o acidente. Segundo ele, até esta quinta-feira deverá ser concluído um laudo preliminar sobre o caso. Vale ressaltar que grande parte da linha foi inaugurada recentemente, em 17 de janeiro deste ano.

Eu gostaria de frisar que o metrô é um transporte seguro. Nós seguimos inúmeros protocolos técnicos para que não tenha nenhum tipo de problema e possa oferecer o melhor transporte pro nosso cliente. O que aconteceu ontem foi à colisão de um trem que estava parado fora da área com um trem que estava fazendo manobras”, disse Gioia.

Publicidade
Publicidade