in

Preso mata a própria mulher durante visita íntima na cadeia, e alega ciúmes

(Reprodução do Facebook do casal)
Publicidade

No último domingo (27), uma jovem de 22 anos de idade foi morta pelo seu companheiro, durante uma visita íntima no Centro de Detenção Provisória, localizado no município paulista de Jundiaí.

O detento, que agora é também acusado pelo assassinato da mulher, alegou que uma discussão por ciúmes teria motivado o crime. Segundo a Polícia Civil, um traumatismo craniano foi o que causou a morte da mulher.

Remata Yumi Ono, é a delegada da Delegacia de Defesa da Mulher. Segundo ela, a vítima teria sofrido várias lesões, e teria caído de uma beliche, onde estava com o seu companheiro, Michael Denis Freitas, de 25 anos. O indivíduo está preso por um roubo desde o ano passado.

Publicidade

Nicolly Guimarães Sapucci foi socorrida pelos agentes penitenciários, e em seguida foi levada até o Hospital São Vicente de Paula, com graves lesões no rosto. Mesmo assim, a jovem não resistiu, e veio a óbito.

Publicidade
Publicidade

O assassino, por sua vez, foi autuado em flagrante pelo crime de homicídio. Embora no momento ele responda por roubo, a prisão agora foi convertida em preventiva, devido ao segundo delito cometido.

Michael, em seu depoimento no plantão policial, informou que a mulher tinha ciúmes de um antigo relacionamento que ele teria tido. Entretanto, segundo a investigação comandada pela delegada, a situação é contrária, sendo que o real motivo do assassinato teria sido um um ciúme que ele mesmo tinha, diante de Nicolly Guimarães.

Neste momento, um Procedimento Apuratório Disciplinar e Preliminar encontra-se aberto, no sentido de investigar os fatos. O detento está isolado de forma preventiva em uma cela disciplinar.

Publicidade

Inscreva-se em nosso canal no YouTube e fique por dentro de tudo o que acontece. CLIQUE AQUI

Publicidade
Henrique

Escrito por Henrique

Henrique Furtado é um redator que gosta de ocupar o seu tempo livre lendo notícias, e noticiando aquilo que acha mais interessante.