in

Família de Vanderson toma atitude radical após vídeo de agressão viralizar nas redes sociais

Fotomontagem: TV Globo/Rômulo Nogueira
Publicidade

A família do ex-BBB Vanderson está indignada com um vídeo de agressão que foi atribuído a ele e anda circulando nas redes sociais. Em um comunicado a família pede para que as pessoas parem de propagar fake news, pois estão entrando com as providências necessárias.

Publicidade

No comunicado a família diz: “ESCLARECIMENTO: Viemos por meio desta informar que existe um vídeo circulando na Internet/Redes sociais de um indivíduo moreno de cabelos longos agredindo uma mulher. Estamos tomando as medidas cabíveis e necessárias para tal ato de divulgação e acusação sem fundamento. Não propaguem, acredite, ou divulguem notícias falsas. Fake News também é crime!”

Publicidade

O brother foi expulso do BBB19 nesta quarta-feira (23), depois de ter sido alvo de um inquérito que foi aberto contra ele. Como terá que prestar esclarecimentos e ter acesso com o mundo exterior, ele não poderia continuar dentro da casa.

O advogado de Vanderson chegou a revelar que o brother este espantado com tudo isso, pois nunca poderia imaginar o que fosse acontecer aqui fora enquanto ele estava confinado.

Publicidade

O depoimento do brother está marcado para o próximo dia 28, às 9h, na Delegacia de Atendimento à Mulher (Deam) de Jacarepaguá, no Rio de Janeiro. Desde que teve sua participação confirmada na casa, as notícias de uma suposta a agressão a ex-namorada Maíra Menezes veio á tona.

Na postagem que fez no Facebook, a moça relatou o relacionamento abusivo que viveu com o ex-BBB, onde chegou a sofrer várias agressões. Logo após apareceram outras mulheres que também acusaram o brother. Agora, ele responderá por três crimes, caso seja confirmado a sua culpa.

Publicidade

Leia Também

Escrito por Rômulo NC

Ator, youtuber e redator, Rômulo N.C é formado pela casa de artes cênicas Recriarte e sempre atuou como escritor de diversos sites.

Vídeo mostra Vanderson do BBB batendo na namorada até ela não aguentar mais?

‘Lamento como pai, mas ele terá que pagar pelos seus atos’, diz Bolsonaro sobre caso do filho