in

Milicianos acusados de matar Marielle têm ligação com Flávio Bolsonaro, e o caso pega fogo

Foto: Jéssica Moreira | Reprodução das Redes Sociais de Bolsonaro
Publicidade

O nome de duas mulheres é tido, até o momento, como a peça chave que aponta a ligação existente entre o senador eleito Flávio Bolsonaro, filho do presidente da República, Jair Bolsonaro, e os milicianos que são os principais suspeitos por terem realizado a morte da vereadora Marielle Franco, e de seu motorista Anderson Gomes, no dia 14 de março do ano passado.

Raimunda Veras Magalhães e Danielle Mendonça da Costa da Nóbrega são, respectivamente, mãe e mulher do capitão Adriano Magalhães de Nóbrega, conhecido como Gordinho. Ele é tido, através das investigações comandadas pelo Ministério Público do Rio de Janeiro, como sendo uma das lideranças do chamado Escritório do Crime, organização a qual pertencem os milicianos suspeitos.

Ambas as mulheres foram lotadas no gabinete de Flávio, ainda na época em que ele era deputado estadual na Assembleia Legislativa do Rio de Janeiro.

Publicidade

O filho do presidente, entretanto, afirma que as nomeações não foram por ele feitas, e diz que a mãe do capitão ‘Gordinho’ foi indicada pelo seu ex-assessor e ex-motorista Fabrício Queiroz. Em nota, ele afirma estar havendo uma perseguição política, no sentido de tentar atacar o governo do presidente Jair Bolsonaro.

Publicidade

Adriano encontra-se, neste momento, foragido. Ele foi um dos alvos da Operação Intocáveis, a qual foi realizada na manhã desta terça-feira, 22, após uma força-tarefa mobilizada pela Polícia Civil e pelo MP-RJ. Cinco dos suspeitos de integrarem a milícia foram presos. Eles são acusados de agir nas comunidades de Rio das Pedras e Muzema, realizando práticas ilícitas, tais como extorsão de moradores e comerciantes, além de agiotagem, pagamento de propina, e grilagem de terras.

Publicidade

Inscreva-se em nosso canal no YouTube e fique por dentro de tudo o que acontece. CLIQUE AQUI

Publicidade
Henrique

Escrito por Henrique

Henrique Furtado é um redator que gosta de ocupar o seu tempo livre lendo notícias, e noticiando aquilo que acha mais interessante.