in

Corinthians oferece fortuna para repatriar Romarinho

Gazeta Esportiva
Publicidade

Sempre muito decisivo, Romarinho se tornou um dos maiores desejos de Corinthians para essa temporada. O Timão ainda não fechou o elenco para essa temporada, podendo anunciar grandes reforços para finalizar muito bem nessa janela de transferências.

Publicidade

O ponta-atacante Romarinho, atualmente, está atuando pelo futebol árabe, onde ganha fortunas pelo seu futebol. O Corinthians enviou proposta de R$ 18 milhões ao At-Ittihad, da Arábia Saudita, para contratar o atacante.

Publicidade

O Romarinho sempre vem postando nas redes sociais e demonstrando que ama seu antigo clube, o Corinthians. O ponta-atacante constantemente tira sarro do maior rival Alvinegro, Palmeiras, e anima muito a torcida corintiana, que o vê como um dos ídolos da história do clube. Seu gol na final da libertadores contra o Boca sempre será lembrado pela fiel torcida.

Romarinho foi Campeão da Libertadores em 2012, Mundial de Clubes 2012, Paulista 2013 e Recopa Sul-Americana com o Corinthians, o atacante de 28 anos deixou o clube em 2014 rumo ao Al-Jaish, do Catar.

Publicidade

No At-Ittihad, Romarinho fez 21 partidas com nove gols, os últimos dois na partida por 3 a 0 contra o Al Taqdom, nesta segunda-feira, pelas oitavas de final da Copa do Rei da Arábia Saudita.

Romarinho chegará para ser o nono reforço do Corinthians para 2019, após as chegadas de Manoel, Richard, Ramiro, Michel Macedo, Sornoza, Gustavo Silva, André Luis e Boselli.

Romarinho, ponta e corintiano de coração, mesmo de longe está acompanhando a equipe e postando em suas redes sociais, recebendo o carinho da torcida alvinegra.

Publicidade

Leia Também

Escrito por Bruno Avila

Escritor de futebol e política desde 2016, quando comecei o trabalho na Blasting News. Hoje migrei ao 1News e sou um dos escritores mais lidos do site.

Diego recusa proposta milionária e aceita reduzir salários para continuar no Flamengo

Marília Mendonça é vítima de assédio e choca com relatos: ‘Passa a mão onde não deixou’