in

Maquiador gay defende Damares Alves na polêmica das cores; assista ao vídeo

Fotomontagem: Instagram Agustin/Youtube/Diogo Marcondes
Publicidade

A ministra Damares Alves, do Ministério da Mulher, Família e Direitos Humanos, virou assunto nas redes sociais depois que um vídeo em que ela aparece dizendo que menino veste azul e menina veste rosa viralizou. A fala da ministra foi interpretada por alguns como sendo autoritária. O maquiador Agustin Fernandez, homossexual assumido, saiu em defesa da ministra.

“É uma nova era no Brasil: menino veste azul e menina veste rosa“, afirmou. No vídeo, dá para ver a bandeira de Israel e a ministra aparece ao lado do educador Guilherme Schelb. Agustin, que visitou o presidente Jair Bolsonaro durante a campanha, no Rio de Janeiro, escreveu um texto na rede social.

Menino veste azul e menina veste rosa’. Bom, não sei em qual contexto Damares disse isso, mas ‘menino’ me remete a criança, não a adulto. Possivelmente seja sobre ideologia de gênero nas escolas. Só sei que a minha amiga está grávida e no chá de bebê descobriu que é menino. Ela está comprando tudo azul e achei lindo“, afirmou Agustin.

Publicidade

Em seguida, ela afirma que o filho da amiga poderá usar as cores que quiser quando crescer. “Mas enquanto for criança tem uma mãe e um pai sonhando com esse momento“, prosseguiu.

Publicidade

Na noite desta quinta-feira (3), Damares Alves foi entrevistada por alguns jornalistas no canal fechado GloboNews e comentou sobre a famigerada polêmica. Ela lamentou que outros assuntos abordados por ela não tenham repercutido tanto quanto a questão das cores utilizadas das roupas utilizadas por meninos e meninas. Damares também explicou que a identidade biológica das crianças deve ser respeitada.

Publicidade
Diogo Marcondes

Escrito por Diogo Marcondes

Jornalista formado desde 2015. Jornalista por vocação desde que nasceu. Redator da i7 Network desde 2015.
Fale comigo: diogojornalismo@yahoo.com.br