in

William Bonner presta continência para Bolsonaro ao vivo no JN e internet não perdoa

Amazonas
Publicidade

Nesta terça-feira (02), o jornalista William Bonner esteve apresentando o Jornal Nacional, ao vivo de Brasilia, onde aconteceu a cerimônia de posse de Jair Bolsonaro.

Publicidade

O presidente foi eleito com 55% dos votos e assumiu nesse primeiro dia do ano, o cargo que foi escolhido para exercer por milhões de brasileiros. 

Publicidade

No fim da conversa com Renata Vasconcellos o apresentador se despediu fazendo um movimento que parecia de continência, algo muito comum no meio militar. Claro que a atitude de Willian acabou gerando um verdadeiro rebuliço nas redes sociais, pois, os internautas que perceberam o gesto feito correram para comentar a atitude. 

Um dos comentários que se destacou foi de um internauta que disse: “E aquela continência no final, o que foi isso? Hahahahaha”. Vários outros foram feitos no qual questionavam a posição do apresentador. Teve aqueles também que curtiram porque acharam que o jornalismo só foi choro puro por conta da posso do presidente eleito Jair Bolsonaro. 

Publicidade


William Bonner surpreende e faz discurso histórico no Jornal Nacional

William Bonner tem aproveitado o fim de ano e o começo do mandato de Jair Bolsonaro para fazer um balanço de 2018, sobre tudo que passou e o que aconteceu, na noite do último dia 31, o jornalista surpreendeu ao fazer um logo desabafo. Logo no início ele diz: “Olha, 2018 não foi fácil para ninguém, né? No Brasil, foi ano em que todo mundo parecia ter certeza de tudo. E qualquer tentativa de diálogo entre pessoas de opiniões diferentes acabava contaminada por essas certezas”.

E continua dizendo, que pessoas saíram das redes sociais somente para não terem que lhe dar com as diversas opiniões existente. O âncora do Jornal Nacional também destacou quem deixou de falar com os parentes por conta da disputa.

Publicidade

Leia Também

Escrito por Rômulo NC

Ator, youtuber e redator, Rômulo N.C é formado pela casa de artes cênicas Recriarte e sempre atuou como escritor de diversos sites.

O novo salário mínimo; Bolsonaro autorizou o reajuste nas primeiras horas de seu governo

Na posse de Jair Bolsonaro, jornalistas foram avisados que poderiam levar tiros