in

Grave informação ameaça a posse de Bolsonaro e o que é assusta o Brasil

Veja
Publicidade

Na semana que vem, o presidente eleito, Jair Bolsonaro, assume o poder. Os preparativos para esse momento tão importante da história do país. No entanto, uma informação grave ameaça a posse do líder da direita do país, prevista para acontecer na manhã do dia primeiro de janeiro de 2019.

De acordo com informações do site Folha de São Paulo, alguns shows que aconteceriam na data da posse serão cancelados. Um deles era da dupla sertaneja Zezé di Camargo e Luciano, que mostraram apoio ao político durante o segundo turno das eleições. 

Um dos motivos para o cancelamento é o temor em torno da segurança das milhares de pessoas que estarão em Brasília. Muitas caravanas, inclusive, estão sendo organizadas apenas para esse evento. 

Publicidade

“O General Moreno, que é chefe do GSI, esteve comigo e com a primeira-dama e disse que havia uma preocupação com a segurança”, disse ao jornal a deputada federal eleita Joice Hasselmann.

Publicidade
Publicidade

Além de Zezé di Camargo, outro show que estava previsto para acontecer nessa data, mas que foi cancelado é o do cantor Eduardo Costa. Ele foi outro artista que demonstrou grande apoio a Bolsonaro, envolvendo-se, inclusive, em uma polêmica com a apresentadora Fernanda Lima. 

Outra dúvida para a posse de Bolsonaro é se o esposo da primeira-dama vai mesmo desfilar de carro aberto. Esse é um evento comum, mas como Jair já foi vítima de uma facada e ameaças contra ele continuam sendo enviadas, a organização ainda avalia o que é melhor fazer diante de um momento tão importante. Apesar disso, Bolsonaro segue otimista para a data. 

Publicidade

Inscreva-se em nosso canal no YouTube e fique por dentro de tudo o que acontece. CLIQUE AQUI

Publicidade
FERNANDO B

Escrito por FERNANDO B

As melhores notícias você encontra por aqui. Conheça essas e outras histórias.