in

Polícia descobre segredos do advogado do homem que esfaqueou Bolsonaro e choca o Brasil

vEJA

O advogado Zanone Manuel de Oliveira, defensor de Adélio Bispo, preso confesso por tentar matar o presidente eleito,  Jair Bolsonaro, foi alvo de uma operação nesta sexta-feira, 21 de dezembro. Agentes da Polícia Federal estiveram em dois imóveis do advogado para tentar saber quem está por trás da facada de Bolsonaro. 

Após investigações, a Polícia acredita que há algo de muito errado na relação da defesa da Adélio que não informou, por exemplo, quem teria pago a defesa de seu cliente. Zanone chegou a dizer que seu cliente teria pago apenas uma primeira parcela da quantia para defender Bispo, mas depois desapareceu. 

Algumas revelações também foram feitas pela polícia, desvendando o que para muitos eram segredos do advogado,  e que acabaram virando manchete em todo o país. A polícia revelou que está indo em duas propriedades de Zanone, o que chocou muitas pessoas. 

Um dos imóveis abriga um hotel e uma locadora de veículos, além funcionar como escritório e residência do advogado. O outro é a sede de uma empresa.

Em entrevista, Zanone chegou a dizer que respeitaria a confidencialidade do seu cliente e que não revelaria o sue nome. O máximo que ele chegou a dizer é que o pagante seria um conhecido de Adélio Bispo,  tendo frequentado a mesma igreja que ele. 

Inicialmente,  o advogado disse que deu um desconto,  cobrando apenas R$ 25 mil pela defesa, mas tal cliente não teria mais aparecido para pagar o restante do acordado. Ele decidiu continuar no caso devido à sua exposição a nível nacional, o que poderia ajudar em sua carreira. 

Leia Também

Escrito por Fernando B

As melhores notícias você encontra por aqui. Conheça essas e outras histórias.

Next post

Mãe e Pai são presos por deixar bebê de seis semanas morrer de fome dentro de casa

Lasanha de caneca: bateu aquela fome? Esta lasanha fica pronta em 5 minutos