in

‘Ex-gay’ e agora evangélico, Ronaldo Ésper faz declaração polêmica e revolta Leo Dias

Reprodução/Rádio Jovem Pan
Publicidade

O estilista Ronaldo Ésper vem causando desde que concedeu uma entrevista ao programa Pânico, na Rádio Jovem Pan, na última quinta-feira (20). Evangélico, frequentador da Igreja Universal do Reino de Deus (IURD), ele que decidiu abandonar em 2017 a homossexualidade, contou que só estava vivendo aquela situação por conta de uma maldição familiar.

Publicidade

Estilista diz que quando pequeno, foi amaldiçoado pela tia

Ronaldo disse que sua tia o amaldiçoou no passado, quando criança. “Você pode ser amaldiçoado por alguém. Eu fui amaldiçoado por uma tia minha quando eu era criança. Estava me afogando”, respondeu ele quando questionado sobre pessoas nascerem gays.

Publicidade

“Cientificamente, não se sabe direito como isso vem. Tudo é controlável, você querendo, você deixa. Eu passei a vida toda homossexual e eu não gostava”, completou.

Leo Dias fica revoltado com relato de Ronaldo Ésper e dispara no Fofocalizando

O assunto não gerou bons comentários formalizados pela comunidade LGBT e muito menos para o jornalista Leo Dias, que após ouvir a entrevista, disparou contra Ronaldo Ésper no Fofocalizando, programa vespertino do SBT.
Ele não mediu palavras e descreveu sobre o que pensa do que é verdadeiramente maldição.

Publicidade

“Maldição é a existência desse ser que fala essas baboseiras no ar”, disse Leo. Mama Bruschetta comentou em seguida, mas defendeu o amigo e disse que a sexualidade de cada pessoa é definida e se aflora mais tarde. Décio Piccinini ficou do lado de Leo, dizendo que o estilista só estava falando sobre o assunto para aparecer na mídia.

Publicidade

Leia Também

Escrito por Thiago Santana

É redator do Grupo i7 Network, estudante de jornalismo e chocolatra.

Garoto de 6 anos faz festa com tema Bolsonaro e recebe surpresa do presidente eleito; assista

Bomba! Eduardo Costa pode ser preso após polêmica com Fernanda Lima