in

Bolsonaro se cansa e pode dar duro golpe histórico na Globo

G1

O presidente eleito, Jair Bolsonaro, mantém uma relação polêmica com a Rede Globo de Televisão. O político já fez várias críticas ao canal da família Marinho e no momento de detonar não poupa palavas. Agora a Globo pode sofrer mais um duro golpe histórico do governo do líder da direita. 

É comum que o principal canal do país faça a primeira grande entrevista com o presidente, assim que esse toma posse em seu governo. No entanto, Bolsonaro já dá sinais de que isso não vai acontecer. 

Depois, começou-se a especular que a primeira entrevista do político seria dada para Record TV. No entanto, agora quem deve mesmo entrevistar Bolsonaro é o apresentador Danilo Gentili, do SBT. Um dos motivos para tanto é que a família do político é muito fã do comunicador da emissora de Silvio Santos. 

O cantor Roger Moreira, do Ultraje a Rigor, por exemplo, é um dos ídolos do presidente eleito. Roger foi um dos “cabos eleitorais” mais engajados e um dos únicos artistas a visitar Bolsonaro no hospital durante a campanha, depois que ele quase foi assassinado com uma facada em Juiz de Fora (MG).

Essa decisão pode fazer com que William Bonner não seja o primeiro a entrevistar o político. É comum até mesmo que, após a posse, o presidente participe do Jornal Nacional. Ainda também não sabe se isso vai acontecer, até porque o SBT e a Record TV teriam mais prioridades. 

Vale lembrar que foi na bancada do Jornal Nacional que, antes da facada, Jair travou uma séria discussão com a jornalista Renata Vasconcellos. Tudo porque ele disse que ela ganhava menos do que Bonner para realizar a mesma função.

Leia Também

Escrito por Fernando B

As melhores notícias você encontra por aqui. Conheça essas e outras histórias.

Bolão Macabro: Silvio, Pelé e outros estão na lista de apostas para morrer em 2019

Alterado, Edir Macedo chama fiéis de “mula sem cabeça” e motivo causa revolta; assista