in

Luto na música: grande referência do Brasil morre de parada cardíaca

O Globo

A morte, certamente, é algo difícil de transpôr. Nesse sábado, 15 de dezembro, um dos grandes músicos brasileiros acabou falecendo. A sua perda, certamente, será sentida por muitas pessoas de todo o Brasil.

A morte do baixista Arthur Maia aconteceu logo após o músico passar mal. Ele foi levado por parentes e amigos para uma Unidade de Pronto Atendimento (UPA) na cidade de Niterói. No entanto, no local,  ele sofreu uma parada cardíaca e não resistiu, vindo a falecer. 

Sobrinho do lendário Luizão Maia, com quem aprendeu as primeiras técnicas no baixo, Arthur acompanhou, ao vivo ou em estúdio, alguns dos nomes centrais da MPB, como Caetano Veloso, Gilberto Gil, Jorge Benjor, Djavan, Gal Costa, Ney Matogrosso e Ivan Lins. 

Para muitos especialistas, ele era um dos maiores baixistas brasileiros. Por isso, a sua perda na música causa tanta tristeza em milhares de pessoas. 

Primo de Arthur, o também baixista Zé Luís Maia disse ter sido pego de surpresa pala notícia. Em entrevista, ele conta uma triste coincidência que envolve a sua família, onde duas pessoas importantes morreram com a mesma idade. 

Veja abaixo uma foto do baixista Arthur Maia, que faleceu aos 56 anos de idade:

“— Foi uma parada cardíaca fulminante, tentaram reanimá-lo, mas não conseguiram. Ele era fantástico, a melhor pessoa e músico que conheci, ele e meu pai, o Luizão. E ambos faleceram com 56 anos”, disse um dos maiores amigos do músico, que acabou  falando a respeito da grande perda para ele e, é claro, para milhares de pessoas. 

Leia Também

Escrito por Fernando B

As melhores notícias você encontra por aqui. Conheça essas e outras histórias.

Next post

Internet resgata foto de Kéfera fazendo blackface e atriz vira motivo de piada

Filhos de famosos mortos da Record e Globo explodem em sucesso no Brasil