in

Bolsonaro passa mal, é atendido e tem nova cirurgia marcada

Folha de S.Paulo
Publicidade

O presidente eleito Jair Messias Bolsonaro ainda carrega uma bolsa de colostomia, por conta do atentado sofrido durante a sua campanha presidencial. Logo, que foi atacado, o deputado havia sido submetido à uma cirurgia.

Bolsonaro, após a primeira cirurgia, ainda em campanha passou por outra cirurgia por conta de um alimento pesado que tinha comido durante sua recuperação. Agora, o presidente eleito já tem uma cirurgia marcada para a retirada da bolsa de colostomia.

O militar reformado passou mal e teve que ser atendido às pressas. Entretanto, seu filho, Eduardo Bolsonaro, negou que a ida de Bolsonaro ao hospital tenha qualquer relação com a bolsa de colostomia.

Publicidade

Entretanto, o presidente eleito em 2018 deve acabar adiando sua cirurgia por conta do próximo encontro do Fórum Econômico Mundial, que acontecerá de 22 a 25 de Janeiro em Davos.

Publicidade

Bolsonaro assumirá a presidência da República, de forma oficial, no dia primeiro de janeiro de 2019. Quando o, até então, deputado federal subirá a rampa do Palácio do Planalto.

Os eleitores de Jair Bolsonaro, mesmo após terem vencido as eleições presidenciais, continuam muitos ativos nas redes sociais defendendo o governo Bolsonaro, que promete se envolver em muitas polêmicas.

Bolsonaro deve aplicar suas políticas liberais na economia, até porque o seu economista é um símbolo do liberalista. Trata-se de Paulo Guedes.

Agora, o presidente eleito vem respondendo uma acusação em cima do ex-assessor de seu filho Flávio Bolsonaro, que fez 176 saques em dinheiro em sua conta.

Bruno Avila

Escrito por Bruno Avila

Redator de futebol, política e famosos desde 2016. Hoje um dos redatores mais lidos do 1News Brasil. Fique à vontade para falar comigo: brunoavilaprof@outlook.com