in

Ladrão faz idosa refém, e é morto pela PM; população comemora

Reprodução / G1

As histórias envolvendo criminosos e reféns nem sempre tem um desfecho feliz para a vítima. Nesta quarta-feira (5), na cidade de Valença, interior do Rio de Janeiro, a história foi diferente. O ladrão que fez uma idosa de 83 anos como refém depois de roubar uma joalheria foi alvejado pela polícia e acabou morrendo na hora.

Na manhã desta quarta-feira, um bandido assaltou uma joalheria no centro de Valença. De acordo com a Polícia Civil, depois do roubo o homem fugiu em direção ao Mercado Municipal. Junto com ele estava a vítima octogenária.

Testemunhas afirmaram que o homem anunciou o assalto à joalheria e guardava os pertences roubados em uma mochila quando a dona do local saiu e chamou a polícia. O assaltante fugiu do local. Um segurança da loja saiu atrás dele. No caminho, pegou a idosa como refém.

Um pedestre filmou toda a ação. “Solta ela”, dizem os populares. “Solta a mulher”, gritam outros. O bandido dobra a esquina e caminha com a arma apontada para a cabeça da idosa. Um policial vai atrás deles.

Quando passa atrás de uma Kombi parada, a mulher cai. Neste momento, os policiais atacam o criminoso. São ouvidos cinco tiros. Os populares que acompanhavam a cena comemoram.

A idosa, que ficou caída no chão, assustada, recebeu atendimento médico e prestou depoimento na 91ª Delegacia de Polícia de Valença. Horas depois, a senhora recebeu a visita dos policiais que trabalharam na ação. Eles levaram flores à idosa e foram tratados como heróis por terem salvado sua vida e matado o assaltante.

Leia Também

Escrito por Diogo Marcondes

Jornalista formado desde 2015. Jornalista por vocação desde que nasceu. Redator do i7 Network.

Rafael Ilha perde cabeça com Caíque e nova expulsão é cogitada na ‘Fazenda’

Ana Maria faz pergunta indiscreta a Louro José e ele se revolta ao vivo