in

Após mandar ‘prender’ advogado, Ministro do STF sofre o pior castigo

Foto/Montagem: Twitter

Pegou mal a atitude do  ministro do Supremo Tribunal Federal (STF), Ricardo Lewandowski. Nesta quarta-feira, 4 de dezembro, ele mandou prender um passageiro de um voo. Tudo porque esse disse que o ‘STF é uma vergonha’. O passageiro em questão é o advogado Cristiano Caiado de Acioli. 

Após chegar ao seu destino fina, agentes da Polícia Federal entraram no voo e levaram o advogado até a unidade da PF dentro do aeroporto. Em entrevista, o advogado Cristiano Caiado de Acioli já informou que pretende processar o Ministro do Supremo por abuso de poder.

A depender da repercussão nas redes sociais, Ricardo Lewandowski acabou mal. A hashtag ‘#MePrendeLewandowski’ chegou ao topo do Twitter. Internautas de direita e esquerda, em um raro momento, ficaram juntos em torno dessa situação. 

“Caiu de paraqueda (q ñ abriu) e sem o reseva, na cadeira do STF .
Agora quer prender o cidadão de bem.  Vergonha Nacional!!”,
disse um dos internautas, que divulgou o polêmico vídeo do ministro com o opositor dentro do avião.

Outros internautas fizeram acusações ainda mais fortes. “A mais alta Corte do país é também a mais corrupta, a que gera mais impunidade e insegurança jurídica em suas decisões. E qualquer protesto pela sociedade que a sustenta provoca reação absurdamente autoritária”, escreveu a usuária do Twitter, como pode ser visto abaixo. 

O gabinete de Lewandowski divulgou a seguinte nota:

“Ao presenciar um ato de injúria ao Supremo Tribunal Federal, o Ministro Ricardo Lewandowski sentiu-se no dever funcional de proteger a instituição a que pertence, acionando a autoridade policial para que apurasse eventual prática de ato ilícito, nos termos da lei.”

Leia Também

Escrito por Fernando B

As melhores notícias você encontra por aqui. Conheça essas e outras histórias.

Next post

‘Loura fatal’, mulher que matou amante vence concurso de miss em cadeia do RJ; veja fotos

Confira uma receita de camarão à chinesa light irresistível