in

Árabes complicam negociação e Corinthians oferece jogadores por Carille

Gazeta Esportiva
Publicidade

O técnico Fábio Carille surpreendeu ao mundo quando mostrou um bom trabalho sendo campeão paulista e brasileiro no mesmo ano, com ressalva de que  Carille era estreante na função de treinador em 2017.

Em 2018, Carille conquistou o Campeonato Paulista novamente em cima do rival e favorito Palmeiras. Logo, o Al-Wehda, da Arábia Saudita, não se conteve e fez uma grande proposta para levar o comandante, que deixou o Timão ao meio da temporada.

Carille, hoje, negocia para retornar ao Corinthians, porém os diretores árabes estão estressados com essa tentativa do treinador sair da equipe, em apenas 6 meses de trabalho. Em uma nova reunião com o agente de Carille, o Corinthians foi comunicado que a multa rescisória do treinador foi aumentada em 50 mil dólares.

Publicidade

Anteriormente, a multa era de 700 mil dólares, agora 750 mil. Vendo a insatisfação dos árabes, a diretoria corintiana tenta amenizar a situação e oferecer mais para que a equipe libere o comandante ao Timão.

Publicidade

O Corinthians quer ser amigável e oferecer jogadores que não serão úteis na temporada de 2019 para o Al-Wehda liberar o treinador. Entretanto, caso a oferta não seja aceita, o Timão deve pagar o valor integral da multa e levar o treinador.

A espera é que os árabes não aceitem este tipo de negociação, até porque os mesmos vêem como imoral uma saída em apenas 6 meses do treinador recém-contratado.

Carille tem o desejo de retornar ao Timão e deve ter um dos salários mais altos dentre todos os outros treinadores do futebol brasileiro.

Publicidade
Bruno Avila

Escrito por Bruno Avila

Redator de futebol, política e famosos desde 2016. Hoje um dos redatores mais lidos do 1News Brasil. Fique à vontade para falar comigo: brunoavilaprof@outlook.com