in

Hamburgueria causa polêmica ao batizar lanche com ‘repOLHO roxo’ de ‘Maria da Penha’; veja

Divulgação/CatracaLivre
Publicidade

A violência contra mulher ainda é uma triste realidade não somente no Brasil, mas no mundo inteiro. Existem leis específicas para combater esse grande mal, uma delas é a Lei Maria da Penha, que completou 12 anos desde a sua criação. Apesar de leis mais severas, ainda muitas mulheres têm medo e não denunciam o companheiro.

Um estabelecimento comercial acabou gerando uma grande polêmica sobre o assunto. Uma hamburgueria de Salto, em São Paulo, provocou o maior alvoroço nas redes sociais ao lançar um sanduíche com o nome de ‘Maria da Penha’. O sanduíche tem como um dos ingredientes o repolho roxo. Não seria nada demais se no cardápio o nome da guloseima não estivesse evidenciando a palavra ‘olho roxo’.

No cardápio estava claro o trocadilho, repolho roxo e as letras estavam grifadas na cor roxa para deixar ainda mais evidente. Os internautas ficaram revoltados e acusaram o estabelecimento de fazer apologia à violência contra a mulher.

Publicidade

Após as críticas nas redes sociais, a hamburgueria decidiu mudar o nome do sanduíche para ‘Censurado’ e depois para ‘Um lanche com repolho’. O site de notícias G1 entrou em contado com uma das jovens que fez a postagem que viralizou na internet. Michelle Duarte, de Itu, São Paulo, frisou a quantidade de mulheres que são vítimas de violência doméstica.

Publicidade

“Primeiro, o dono colocou o nome de ‘Maria da Penha’ e, na descrição do lanche, coloca em caixa alta e com cores diferentes a expressão ‘olho roxo’, deixa nítido o que ele quis passar. É uma ligação muito forte e, ao mesmo tempo, ofensiva, depois que analisamos a quantidade de mulher que apanha todos os dias dentro de casa por motivos afins”, desabafou a jovem.

Com a grande repercussão do caso, o estabelecimento decidiu publicar um pedido de desculpa em sua página na internet. Na publicação, os responsáveis admitiram o erro e fizeram questão de ressaltar que não compactuam com qualquer tipo de violência.

Shyrlene Souza

Escrito por Shyrlene Souza

Redatora na web desde 2016, formada em ciências contábeis, apaixonada pela redação desde criança. Escrevo sobre assuntos diversos, famosos, maternidade e notícias que se destacam no Brasil e no mundo.