A base vem forte! Com filosofia ofensiva, técnico do Vasco sub-17 exalta geração

Leia também

Covid-19: estas são as sequelas que podem surgir nos pacientes recuperados da doença

Os pacientes que se recuperaram da Covid-19 podem sofrer com algumas sequelas.

Esta é a mensagem que uma criança com câncer deixou para a mãe

Nolan Strong, de apenas 4 anos, tinha um tipo raro de câncer terminal e deixou uma linda mensagem para a sua mãe antes de morrer.

Augusto Cury ensina como Jesus lhe ensinou a tratar depressão

Augusto Cury é psiquiatra e, como muitos da ciência, já foi ateu. Agora cristão, revelou como tratar depressão.

Você vai se emocionar com a reação deste cão vendo sua casa incendiada

Em 2018, na Califórnia, EUA, um incêndio destruiu cerca de 14 mil casas. Um cão sobrevivente voltou ao local e sua reação foi extremamente comovente.
Rômulo NC
Ator, youtuber e redator, Rômulo N.C é formado pela casa de artes cênicas Recriarte e sempre atuou como escritor de diversos sites.
Publicidade

Os número apresentados pelo Vasco no sub-17 em 2018 são expressivos. Em 36 jogos foram apenas duas derrotas sofridas e mais de 91 gols marcados.

O responsável pelo feito é Celso Martins que depois de passar por America, Fluminense e Flamengo, assumiu o comando do time no começo do ano. pelos números apresentados até aqui, é possível notar que a equipe está mais ofensiva. 

Publicidade
Publicidade

Atualmente Celso tem em mãos uma das gerações mais promissoras do clube. O resultado de todo o trabalho que vem sendo desenvolvido aparece nesta reta final da temporada. Nesta quarta-feira, o clube vai á campo vaga na semifinal da Copa do Brasil sub-17 contra o Palmeiras, em São Paulo. 

Publicidade

No jogo de ida, em São Januário, o time venceu por 1 a 0. Além disso, no próximo domingo irá decidir o Estadual com o Fluminense.

Publicidade

Na entrevista concedida ao Globoesporte.com, o jogador deixou claro que é possível acreditar nesta geração que está pedindo passagem. Celso disse que o mérito é todo do trabalho desenvolvido pelos jogadores. 

O técnico também falou sobre os resultados buscados e conquistados. “Aqui no Vasco temos um lema que é formar vencendo. A gente acredita que com essa nova maneira de jogar, esse estilo de jogo, de valorizar a posse de bola, ter jogadores mais técnicos nas equipes. A gente aposta na maneira de jogar, no modelo, e o resultado é consequência.” 

Sobre o futuro, Celso Martins ressalta que está focado apenas nessa fase final da competição, pois espera terminar bem o ano para garantir uma boa transição, para a categoria de juniores.