in

Pastor é preso por obrigar menores a ‘relações íntimas com anjo’ em São Paulo

G1
Publicidade

O  Pastor evangélico Pedro Jorge dos Santos Teixeira, fundador da Igreja Apostólica dos Mistérios de Deus, em São Mateus, no estado de São Paulo, foi preso acusado por quatro vítimas de ter cometido abuso.

De acordo com informações do G1, em matéria publicada neste sábado, 4 de novembro, Pedro conseguia abusar de suas vítimas, alegando que estava incorporado do ‘Anjo Camael’. 

Pastor garante que anjo divino pede relações íntimas em troca de cura

O pastor alegava para suas vítimas que, caso elas não resistissem, Anjo Camael daria em troca a cura divina. O suposto anjo, que incorporaria no corpo do religioso, também seria responsável por ajudar na conquista dos propósitos desses jovens. 

Publicidade

O pastor Pedro Jorge dos Santos Teixeira está preso há mais de um mês, porém apenas agora ele falou sobre o assunto, negando que tenha qualquer tipo de relação com a acusação.

Publicidade
Publicidade

A maior parte dos abusos, segundo as vítimas, teria acontecido a partir do ano de 2014. Duas meninas e dois meninos acusam Pedro de inventar a história do “anjo” para conseguir carícias e relações proibidas. 

Pastor que abusava de fiéis ‘incorporado de Anjo Camael’ pode ficar anos preso

Caso seja condenado, o Pastor evangélico Pedro Jorge dos Santos Teixeira, fundador da Igreja Apostólica dos Mistérios de Deus, pode ficar vários anos na prisão em regime fechado. 

Nas redes sociais, o pedido de punição ao religioso foi bastante eloquente. “Isto acontece porque as pessoas não leem a bíblia. fica confiando naquilo que as pessoas falam e vivem enganadas. isto não é pastor, é um falso profetas. onde a própria bíblia chama de lobos enganadores“, disse um dos internautas que comentou o caso.

Publicidade

Inscreva-se em nosso canal no YouTube e fique por dentro de tudo o que acontece. CLIQUE AQUI

Publicidade
FERNANDO B

Escrito por FERNANDO B

As melhores notícias você encontra por aqui. Conheça essas e outras histórias.