in

Tardelli teria que abaixar o salário para jogar no Corinthians

Globo Esporte
Publicidade

O centroavante Diego Tardelli vem sendo especulado no Corinthians desde de 2015, primeiro semestre em que foi para o Shandong Luneng, da China. A diretoria corintiana sempre teve o jogador como um grande desejo para assumir a posição de camisa nove da equipe.

Quando Jô estava no Timão, ele contou que Tardelli deseja jogar no Alvinegro de Itaquera. “Ele tem vontade também. É um cara que já demonstrou o carinho (pelo Corinthians), que veio treinar aqui no clube, é um cara que acho que tem muita vontade. Um dia, quem sabe, pode estar realizando esse sonho de jogar no Corinthians“, afirmou Jô, em 2017.

Diego Tardelli e Jô foram parceiros no Atlético Mineiro, inclusive jogaram juntos e foram protagonistas no título da Copa Libertadores em 2013, ao lado de Ronaldinho Gaúcho. Hoje, Jô está no Nagoya Grampus, do Japão, e Tardelli na China.

Publicidade

Segundo o portal ‘Meu Timão’, o atleta só conseguiria realizar o seu sonho de jogar no Corinthians se aceitasse uma redução salarial, isso porque o atleta tem um grande salário no exterior e já havia afirmado que não queria reduzi-lo.

Publicidade
Publicidade

Fato é que Tardelli tem vontade de retornar ao Brasil, tendo o Corinthians como um de seus destinos. Entretanto, o Timão não pode oferecer o salário que o Flamengo e Palmeiras, por exemplo, podem oferecê-lo.

O centroavante ainda vive grande fase na China e está em fim de contrato, por conta disso já está sendo especulado em um possível retorno ao Brasil, até mesmo para subir a possibilidade de voltar à Seleção Brasileira.

Vale ressaltar que, mesmo atuando na China, Diego Tardelli foi convocado diversas vezes pelo técnico Tite, pois vive grandes momentos por lá e não perdeu o seu nível de futebol.

Publicidade

Inscreva-se em nosso canal no YouTube e fique por dentro de tudo o que acontece. CLIQUE AQUI

Publicidade
Bruno Avila

Escrito por Bruno Avila

Redator de futebol, política e famosos desde 2016. Hoje um dos redatores mais lidos do 1News Brasil. Fique à vontade para falar comigo: brunoavilaprof@outlook.com