Jair Bolsonaro assiste stand-up de Danilo Gentili na hora do debate da Globo

Leia também

Quarentena na Globo: demissões, contratações e um novo programa para Fernanda Gentil

Emissora apostou nas contratações dos ex-BBBs Babu Santana e Rafa Kalimann.

Youtuber famosa causa fúria na web ao devolver filho adotado: ‘como se fosse um pet’

Os seguidores acusaram a famosa de ter usado a criança para conseguir vantagens.

Urgente: imunidade ao novo coronavírus pode durar apenas seis meses; aponta estudo

Aparentemente, a única forma do mundo voltar ao normal é conseguindo a imunidade contra a Covid-19.

Casal devolve filho autista três anos após a adoção: ‘Muitos problemas’

Myka Stauffer e o marido relataram que não sabiam sobre o diagnóstico do garoto.
Diogo Marcondes
Jornalista formado desde 2015. Jornalista por vocação desde que nasceu. Redator do i7 Network.
Publicidade

O candidato à Presidência da República Jair Bolsonaro não participou do último debate entre os concorrentes ao Planalto. Nesta quinta-feira (4), o encontro realizado pela Globo não contou com o líder das pesquisas de intenções de votos por determinação médica.

Jair Bolsonaro foi esfaqueado no dia 6 de outubro, enquanto fazia campanha na cidade de Juiz de Fora, em Minas Gerais. O presidenciável ficou mais de 20 dias internado, passou por duas cirurgias e perdeu 25 quilos.

Publicidade
Publicidade

No horário do debate da Globo, que foi realizado por quase três horas a partir das 22h, Bolsonaro assistiu ao show que o humorista e apresentador Danilo Gentili realizou na cidade de Curitiba.

Publicidade

O humorista divulgava esse show havia mais de um mês e prometia fazer chacota com todos os candidatos. “Dando uma conferida no show ao vivo do apresentador e comediante Danilo Gentili”, escreveu Bolsonaro. Na foto postada no Instagram, ele aparece sentado no sofá de sua casa, no Rio de Janeiro.

Publicidade

“Assistindo o stand-up do Danilo Gentili ao vivo no YouTube. Porrada pra todo lado! Até na gente”, postou Carlos Bolsonaro no Twitter. Vereador no Rio de Janeiro, Carlos é quem tem acompanhado o pai desde o dia do atentado.

Bolsonaro lidera as pesquisas de intenção de votos e tem crescido nessa reta final. Levantamento do Ibope, nesta quinta-feira, mostra o candidato do PSL com 35% dos votos, na liderança isolada da corrida presidencial e com chances reais de vencer no primeiro turno, embora não seja fácil. Hoje, Bolsonaro enfrentaria Fernando Haddad (PT) no segundo turno.