in

De saída? Mattos pode deixar o Palmeiras e ir para rival em 2019, segundo jornalista

Publicidade

O Palmeiras vem muito bem neste ano de 2018 e pode conseguir um feito inédito de conquistar três títulos muitos importantes em uma só temporada, muito disso se dá ao trabalho da diretoria alviverde, que vem fazendo um ótimo trabalho e trouxe grandes reforços para a equipe nesta temporada.

Contudo, o planejamento para a temporada de 2019 começou e o Palmeiras pode ter grandes mudanças, isso porque o ano de 2018 é eleitoral dentro do Alviverde da capital e o Maurício Galiotte deve tentar se firmar no cargo e se reeleger na posição de presidente da equipe.

Entretanto, segundo afirma o jornalista Jorge Nicóla, da ESPN, caso a oposição vencer as eleições deste ano, o Alexandre Mattos deve ser demitido e parar em um rival, já que seu contrato está em fase de renovação, agora é evidente que se Maurício Galiotte continuar como presidente, o contrato de Mattos deve ser renovado automaticamente, pois ele faz parte desta gestão alviverde.

Publicidade

Alexandre Mattos divide opiniões entre os torcedores do Palmeiras, isso por conta de algumas contratações contestadas e outras muito elogiadas, mas fato é que Mattos é um dos dirigentes esportivos mais conceituados do país e já foi, inclusive, especulado em outras grandes equipes do futebol brasileiro.

Caso o Palmeiras não renove com Mattos, é bem provável que o mesmo vá parar em um rival para trabalhar no ano de 2019.

A empresária Leila Pereira, dona da Crefisa, já ameaçou a sua permanência na equipe caso o Maurício Galiotte saia do poder, por estes motivos que o sócio-torcedor está sendo bem cuidadoso ao votar no seu próximo presidente.

Galiotte já viveu lances de amores e ódios com os torcedores palmeirenses, agora atualmente com a ótima fase que vive, a diretoria palmeirense ganha conceito com o torcedor e aumenta as chances de continuar, mas é claro que o torcedor aguarda títulos para uma empolgação maior.