in

PT processa Bolsonaro por sugestão polêmica: ‘vamos metralhar a petralhada’

Publicidade

O deputado federal Jair Messias Bolsonaro agora é candidato à presidência da República e algumas de suas declarações vem causando polêmicas, o que acaba abrindo brechas para que os opositores iniciem processos contra o nome do direitista.

Bolsonaro é o primeiro colocado nas pesquisas presidenciais, isso após ser confirmado que o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva não poderá ser candidato nas eleições presidenciais do ano de 2018. Com isso, o parlamentar Jair Bolsonaro cresceu e começou a liderar.

Em um ato de campanha no Acre, o deputado pegou um tripé de câmera, colocou ao contrário e simulou uma metralhadora, afirmando que metralhará a petralhada do Acre, sugerindo que exterminará os pertencentes do Partido dos Trabalhadores (PT) que estão na política acriana.

Publicidade

O candidato do PSL vem apoiando candidatos à deputados federais e estaduais e também governadores, para assim tentar montar uma boa base de governo e não ser boicotado enquanto estiver no comando do mais alto poder do executivo brasileiro.

Bolsonaro é apoiado por muitos famosos e influenciadores de opiniões, com isso vem crescendo nos levantamentos e se tornando o favorito para conseguir ganhar esta corrida presidencial.

Também vale ressaltar que a oposição vem crescendo e também promete colocar em risco este favoritismo do deputado federal Jair Bolsonaro, pois os votos do ex-presidente Lula, que antigamente liderava as pesquisas presidenciais, devem ser, boa parte deles, transferidos ao Fernando Haddad, ex-prefeito da cidade de São Paulo que é apoiado pelo ex-presidente petista.

Entretanto, os votos de Lula devem se dividir entre a Marina Silva, Ciro Gomes e o próprio Haddad, concorrência que pode acabar fortalecendo a oposição de Jair Bolsonaro, que tem os votos da direita concentrados nele.