in

5 jogadores brasileiros que tiveram suas mães sequestradas

A Polícia Civil e a Brigada Militar frustaram o sequestro de Rosângela Freda, de 58 anos, mãe do atacante Taison, nesta segunda-feira (16). Ela foi localizada em casa, na zona rural de Pelotas. Os cincos bandidos que cometeram o crime foram presos, de acordo com a Brigada. Ela não foi a primeira mãe de jogador a ser sequestrada.

Robinho

Em novembro de 2004, a mãe de Robinho foi sequestrada. Marina da Silva Souza passou 41 dias em poder dos criminosos e foi liberada depois do pagamento do resgate. À época, Robinho concedeu entrevista coletiva, pedindo que a imprensa se afastasse do caso.

Grafite

Em fevereiro de 2005, a dona de casa Ilma de Castro Libânio, mãe do ex-jogador Grafite, foi levada de sua casa. Homens armados invadiram a residência da família, amarram o pai e o irmão do atacante e levaram dona Ilma. Ela foi encontrada pela polícia um dia depois.

Marinho

A mãe do ex-zagueiro, que passou pelo Corinthians, foi sequestrada em maio de 2005. Os homens que a levaram estavam disfarçados de vendedores de flores e invadiram o apartamento onde ela morava, em Santos, no litoral paulista. Ela ficou sequestrada por 20 dias e foi liberada após pagamento de resgate.

Rogério

O ex-lateral do Corinthians, que também passou pelo Palmeiras, foi sequestrada em 2005. Homens armados invadiram a casa de dona Inês, em Campinas. Ela ficou três dias em um cativeiro em Caraguatatuba. A polícia descobriu o local e liberou a mulher.

Luis Fabiano

Ex-atacante do São Paulo, Luis Fabiano também passou por momentos dificeis em 2005. A mãe do jogador, Sandra Clemente, ficou dois meses em poder dos sequestradores até ser libertada pela polícia, após denúncia anônima.

 

Leia Também

Saiba o que acontece com o homem se ele tomar pílula anticoncepcional

Confira 21 imagens para relembrar sua infância, a 11 é pura nostalgia