in

Caçadora divulga foto com girafa morta e imagens causam revolta

Publicidade

Todo e qualquer crime contra os animais costumam causar grande repercussão e revolta. Foi o que aconteceu com uma caçadora que postou uma foto ao lado de uma girafa que havia sido morta durante a caça.

O caso aconteceu em um safari na África do Sul. A caçadora em questão é a norte-americana Tess Thompson Talley, que mora no Kentucky. Após a divulgação das imagens, a mulher foi bastante criticada nas redes sociais.

Essa caça teve dois grandes problemas. O primeiro, óbvio, é que um animal foi morto. O segundo, que vem após esse, é que a girafa morta era de um exemplar raro. Isso causou ainda mais revolta.

Publicidade

Segundo as informações, o animal teria 18 anos e pesava quase dois mil quilos. De acordo com Hollie Mckay, do portal Fox News, a caçada aconteceu no ano passado, mas as imagens só foram divulgadas agora, depois que foram descobertas por um portal de notícias africano chamado Africland Post.

Publicidade
Publicidade

As imagens foram compartilhadas pelo Twitter do portal de notícias. "Norte-americana branca selvagem e parcialmente neandertal vem à África e abate uma girafa negra, muito rara, graças à estupidez sul-africana. Seu nome é Tess Thompson Talley. Por favor, compartilhe", dizia o texto do portal de notícias que poder visto em inglês no tuíte abaixo.

Na África, existem parques e reservas focados em criar animais para caça. Por mais que possa parecer absurdo, isso realmente existe e rende muito dinheiro aos envolvidos. Vira e mexe, porém, circulam informações de caçadores que se deram mal durante o safari e foram mortos pela caça.

Publicidade

Inscreva-se em nosso canal no YouTube e fique por dentro de tudo o que acontece. CLIQUE AQUI

Publicidade