in

Filho de Lula é diagnosticado com grave doença

Publicidade

O ex-presidente da república, Luiz Inácio Lula da Silva foi preso após ser condenado a 12 anos de prisão pelo TRF-4 (Tribunal Regional Federal da 4° Região) que aumentou a condenação feita pelo juiz federal Sérgio Moro em primeira instância, que foi de 9 anos e meio de prisão.

Agora, o petista vem respondendo diversos processos e, com isso, a sua pena pode ser aumentada, o que pode dificultar muito a situação do representante máximo do Partido dos Trabalhadores (PT) no país, e isso abalou a família do petista.

O petista era casado, porém, a sua mulher acabou falecendo no início deste ano e agora ele está preso, o que abalou muito o jovem Luis Claudio Lula da Silva, que é filho do Lula e conhecido como Luleco, além de também ser réu em um dos processos juntamente com o seu pai, na Operação Zelotes.

Publicidade
Publicidade
Publicidade

O jovem acabou sendo diagnosticado com uma das doenças consideradas de maior gravidade nos últimos anos, uma depressão profunda, e o quadro do filho do ex-presidente teria se agravado ainda mais após a prisão de seu pai. Investigado, ficou ainda mais abalado com a situação.

O desejo do ex-presidente Lula é de afastá-lo do Brasil, pois aqui está sendo muito julgado por supostas atitudes de seu pais, porém, Luleco também é investigado e isso complica muito a sua saída do país.

Há boatos de que Luleco está tendo seu caso de saúde ainda mais agravado por conta do medo de ser preso, pois está sendo duramente investigado pela Justiça.

O filho do ex-presidente deve ser interrogado, porém não tem condições mentais para que isso aconteça, por este motivo que os advogados de Lula conseguiram adiar o seu interrogatório quatro vezes, o que pode acabar complicando a sua situação, pois a Justiça pode entender este temor que ele tem de ser interrogado de qualquer forma, pois praticamente todas decisões judiciais são muito interpretativas.

Publicidade
Publicidade