4 sintomas que você vai sentir antes de um ataque cardíaco

Conheça quatro sinais que seu corpo oferece antes de um ataque cardíaco.

Você cuida dos sinais que seu corpo lhe mostra sobre sua saúde? Quando come algo que não cai bem, percebe qual alimento causou o mal estar? Ou por exemplo, quando está próximo a um resfriado, percebe os sinais que seu corpo dá como o nariz congestionado? E quando for algo mais sério, conseguiria perceber?

Segundo pesquisadores da Universidade de Duke, nos EUA, os ataques cardíacos são chamados de 'ataques silênciosos', pois é comum que seus sinais não sejam reconhecidos antecipadamente. Ataques estes, que são muito sérios e com graves riscos à saúde, onde o tempo que leva para socorrer a vítima é fundamental.

Problema sério

Nos EUA, estima-se que cerca de 200 mil dos casos de ataques cardíacos, não tiveram seus sinais percebidos previamente, ou seja, as vítimas não perceberam os sinais que o próprio corpo lhe mandou. Cerca de 25% deste total, são casos de ataques no coração.

Segundo o cardiologista Dr. Chauncey Crandall é possível ficar atento e reconhecer os sinais que o corpo dá, possibilitando assim, a busca por ajuda médica em tempo. O Dr. Crandall explica ainda que o corpo chega a dar sinais até meses antes de ocorrer o ataque, e que o problema é que na grande maioria, são sinais silenciosos e que podem ser totalmente indolores, dificultando a associação ao coração.

Sintomas

Se você acredita que os ataques são como nos filmes, que a vítima põe a mão no peito, cai no chão passando mal, neste artigo verá que não é bem assim, embora exista também este tipo de ataque, é o menos comum. A seguir você aprenderá quatro sinais que o corpo oferece:

  • Dor no peito: duas em destaque, das quais são mais preocupantes, são: a que dói em todo o seu corpo. A outra é a que ocorre na região do lado esquerdo, podendo até doer o braço todo, podendo ir e vir e aumentar ou diminuir a frequência da dor.
  • Falta de ar: seguido ou não de dor no peito. É um sintoma silencioso, muitas vezes ignorado, porém, em estudo realizado na Inglaterra, cerca de três a cada cinco dos casos houve falta de ar antes do ataque cardíaco. Há possibilidade de acontecer após.
  • Indigestão ou azia: o corpo nem sempre sente a dor diretamente, porém, as células nervosas do estômago estão localizadas perto do coração, o que faz com que essas duas situações – azia e ataque cardíaco – possam ser confundidas.
  • Náusea e vômito: são sintomas atípicos, mas não descartados, segundo o Dr. Crandall, que já presenciou ocorrências com estes tipos de sintomas associados a outros. Os sinais, geralmente, ocorrem juntos e nunca isolados. Lembrando que percebendo-se estes sintomas procure seu médico.

Leia Também