4 famosos que foram envolvidos na morte de outras pessoas, mas nunca falaram sobre o assunto

Publicidade

Parece cena de filme, mas não é. A vida dessas celebridades também é envolvida em muitos suspenses e mistérios. Algumas mortes suspeitas mostram que alguns famosos que  podem estar envolvidos no falecimento de outras pessoas direta ou indiretamente, mesmo assim as celebridades evitam dar entrevistas abordando estes assuntos que  são polêmicos e incertos. 

Vale lembrar que todas as questões abordadas abaixo não foram confirmadas e as investigações oficiais não citam a participação direta ou indireta de algumas dessas celebridades. Confira quatro histórias que podem intrigar você.

1-  Mary-Kate Olsen

Mesmo sendo a primeira pessoa chamada no hotel pela camareira que encontrou o corpo de Heath Ledger morto por uma overdose, a atriz se recusou a depor sobre a morte dele. Mary-Kate nunca tocou no assunto sobre a amizade deles, mas há boatos de que Heath teria morrido em consequência das drogas que Mary-Kate entregou ao ator.

Publicidade
Publicidade
Publicidade

 

2 – Johnny Depp

Apesar do melhor amigo de Johnny, River Phoenix, ser filho de missionários e não ser usuário de drogas, ele morreu de uma misteriosa overdose na boate de Johnny. O que se sabe é que foi colocado esteróide líquido na bebida de River, e em grande quantidade se tornou mortal.

 

3 – Jim Carrey

Cathriona White era maquiadora e ex-namorada do ator Jim Carrey, dizem que ela se suicidou usando drogas fornecidas por Jim. Foram achadas várias cartas endereçadas a Jim no computador dela, onde fala que ele a teria levado para um mundo obscuro. “Você me fez parar em um mundo de cocaína, prostituição, mal estar, abusos…”.

O processo está correndo para decidir se Jim tem culpa em sua morte – em 2016 os pais dela processaram Jim alegando que a filha tinha se matado devido ao fato do ator ter passado doenças à mulher, mas nada foi confirmado.

 

4 – Courtney Love

Todos sabem que Kurt Cobain se suicidou, mas depois de uma carta apresentada pela polícia, alguns começaram a acreditar que sua mulher teria conspirado para sua morte. A carta dizia falava um pouco sobre a relação difícil entre o casal.

Publicidade
Publicidade