in

6 fotos raras revelam pessoas com malformações expostas em circos de horror

Publicidade

Essas pessoas com malformações eram expostas como atrações em circos de horror no século XIX. Elas tinham muitas incapacidades, malformações físicas, enfermidades congênitas e eram responsáveis por dar vida aos espetáculos.

As pessoas pagavam altas quantias em dinheiro para ver de perto o que eles chamavam de "aberrações". Eles expunham e exibiam seus corpos e suas limitações gerando espanto nas pessoas. Hoje, essa prática é considerada cruel e discriminatória, mas antes era vista como entretenimento.

Publicidade
Publicidade
Publicidade

Essas fotos foram registradas na Inglaterra, e de um jeito um pouco chocante, sustentava pessoas que não teriam condições de arrumar um emprego comum por causa de suas deficiências. Eles conseguiam comer e sobreviver graças ao que ganhavam nos espetáculos dos circos.

Se engana quem pensa que eles tinham prestígio das estrelas que vemos hoje, nem tudo girava em torno de dinheiro e fama. Muitos tinham que suportar a marginalização social, além de aguentar piadas de mal gosto por causa da condição em que eram obrigados a viver.

Os ambientes em que eram expostos era praticamente um local para sofrerem "bullying" e não há registros de como a parte psicológica dessas pessoas ficava, diante da situação. Porém, imagina-se que podem ter desenvolvido problemas por causa de estresse e humilhações.

Eles não eram forçados a isso, literalmente. O que os obrigava a aceitar essas condições era o fato de que precisavam de dinheiro para sobreviver e esse era o único emprego em que eram aceitos.

Publicidade
Publicidade