in

Após ser rejeitado pela TV Globo, José Mayer estaria com grave doença

Publicidade

José Mayer continua vivendo as consequências de uma acusação de assédio sexual feita por uma figurinista no ano passado. O caso foi revelado durante os últimos capítulos da novela A Lei do Amor, última trama que o ator integrou o elenco.

A figurinista fez a acusação, José veio a público pedir desculpas e a moça desistiu de seguir adiante com a denúncia, retirando sua queixa e encerrando o caso. A TV Globo, entretanto, decidiu manter o ator na geladeira e não deixou ele ter nenhum trabalho na emissora em mais de um ano.

Aguinaldo Silva chegou a escalar o ator para O Sétimo Guardião, trama que vai substituir Segundo Sol em outubro, mas a emissora se opôs. Antes desta trama, ele já estava escalado para outra novela, mas também perdeu o papel. A emissora não o demitiu, o que torna sua situação ainda pior, pois estando vinculado a TV Globo ele não pode voltar a fazer novela, bem como não pode fazer testes para emissoras concorrentes. Seu contrato com a Globo vence no ano que vem.

Publicidade
Publicidade
Publicidade

Segundo a jornalista Fabiola Reipert, o ator estaria com depressão por causa da reviravolta que sua vida teve desde o ano passado. Recentemente e segundo o jornalista Leo Dias, Mayer foi visto entrando em uma clínica com uma aparência bem abatida e um porte físico muito mais magro do que o púbico estava acostumado a ver na TV.

Outros famosos punidos pela TV Globo

Na mesma época da polêmica envolvendo Mayer, também houve outros dois casos de punições da TV Globo contra ex-contratados. Victor Chaves, da dupla sertaneja com Leo, foi acusado pela ex-esposa, que estava grávida de cinco meses na época, de tê-la agredido. Victor era um dos jurados do The Voice Kids e teve de deixar a atração antes do fim da temporada. A emissora divulgou que o cantor que tinha pedido para sair, mas ele declarou nas redes sociais que era mentira, pois a empresa, sem deixar que ele contasse sua versão dos fatos, o tirou do reality musical.

Outro punido foi Marcos Harter, que agrediu Emilly Araújo no BBB17 e foi expulso do mesmo, não sendo chamado para participar de nenhum programa da casa. Foi como se ele jamais tivesse participado do reality, pois seu nome e imagens com ele foi excluído até dos vídeos exibidos no final do programa.

Publicidade
Publicidade