in

Fracasso da seleção peruana na Copa do Mundo pode prejudicar São Paulo; entenda

Publicidade

O Sâo Paulo pretende arrecadar um bom dinheiro com a venda de alguns atletas durante a janela de transferências. Um dos nomes mais cotados para deixar o time até o meio do ano é Christian Cueva. Contudo, o Tricolor Paulista pode não conseguir exatamente a quantia que planeja ao vender o jogador, uma vez que ele não fez boas apresentações até agora durante a Copa do Mundo da Rússia, que é a maior vitrine para o mercado da bola internacional.

O camisa 10 do São Paulo apareceu pouco nas duas primeiras partidas do Peru na Copa do Mundo e ainda errou um pênalti na estreia, o que o tornou o vilão da derrota do time para a Dinamarca por 1 a 0. Lembrando que havia 36 anos que o Peru não participava da competição.

Na última quinta-feira, Cueva teve apenas alguns lampejos dos melhores momentos de sua carreira e não conseguiu evitar o revés por 1 a 0 diante da França e a consequente eliminação antecipada do torneio. Outro fator que pode pesar contra uma boa venda é sua idade – 26 anos -, considerada alta para os padrões de negociações europeus.

Publicidade
Publicidade
Publicidade

Na tentativa de minimizar o impacto das discretas apresentações de Cueva, o São Paulo manifestou através das redes sociais uma mensagem de apoio pelo pênalti perdido contra a Dinamarca na derrota de 1 a 0 e, depois, elogiou a atuação do camisa 10 do clube no confronto contra a França, mesmo perdendo por 1 a 0 e sendo sua seleção eliminada previamente da disputa pela Taça.

Mas ainda não se acabaram as esperanças. Na próxima terça-feira, o Peru cumprirá tabela e Cueva terá mais uma chance de se mostrar, onde a seleção peruana tentará minimizar os danos da má campanha realizada na Rússia diante da Austrália. Sendo assim, Cueva tem mais uma chance de mostrar um bom futebool e despertar o interesse de algum gigante europeu, trazendo bons resultados financeiros ao São Paulo.

O São Paulo admite que precisa vender jogadores no meio do ano para abastecer seus cofres. Além de Cueva, Rodrigo Caio e Éder Militão também podem receber propostas. Em contrapartida, o clube do Morumbi espera trazer reforços pontuais para suprir as saídas de Marcos Guilherme e Valdívia, tendo em vista a sequência do Campeonato Brasileiro e da Copa Sul-Americana.

Publicidade
Publicidade