in

Santos vence antes de parada para a Copa do Mundo, mas vitória não esconde problemas

Publicidade

A vitória sobre o Fluminense por 1 a 0, com gol marcado nos minutos finais da partida, deixa o Santos fora da zona de rebaixamento do Campeonato Brasileiro e o treinador Jair Ventura, bastante pressionado no cargo, pode respirar nos próximos dias.

Isso não significa, no entanto, que a situação tenha melhorado completamente. A vitória do Peixe não pode mascarar os defeitos de uma equipe que precisa melhorar bastante para buscar uma vaga na Copa Libertadores da América.

O Santos precisará de reforços de peso se quiser subir na tabela. Além disso, precisa de um diretor de futebol. Desde fevereiro, a equipe da Vila Belmiro não tem um homem forte no departamento de futebol.

Publicidade
Publicidade
Publicidade

Não há ainda informações de que o Santos vai ao mercado da bola em busca de nomes para reforçar a equipe. A torcida espera que sim. Afinal de contas, reforços são fundamentais para um segundo semestre de sucesso.

O Santos é uma das poucas equipes que não foi rebaixada no Campeonato Brasileiro e quer manter esse retrospecto intacto nesta temporada. Resta saber como o time voltará depois do Mundial.

Um dos acertos de Jair Ventura e que deve continuar sendo usado após a Copa do Mundo é o volante Diego Pituca. O meio-campista entrou muito bem na equipe e tem feito boas apresentações.

Na partida contra o Fluminense, por exemplo, foi de Pituca a assistência para o gol marcado por Bruno Henrique. Reforços de peso e treinamento intenso podem fazer com que o Santos dê a volta por cima após a Copa do Mundo.

Além do Brasileirão, o Peixe está nas oitavas de final da Copa Libertadores da América, onde encara o forte Independiente, da Argentina; e nas quartas de final da Copa do Brasil, onde enfrentará Cruzeiro ou Atlético-PR.

Publicidade
Publicidade