in

Lula manda recado à militância e desafia a justiça e Sérgio Moro

Um pedido da defesa do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva está sendo julgado de forma virtual, participam da votação os ministros da Segunda Turma do Supremo Tribunal Federal, a defesa de Lula solicita a liberdade de seu cliente. Os advogados contratados pelo petista alegam que o ex-presidente não poderia ter sido preso na data de 7 de abril, antes do prazo de apresentar os últimos recursos que ainda lhe restavam.

Plenário Virtual

A votação do pedido da defesa de Lula no STF começou na sexta-feira (04) e ainda não foi concluída. Na maioria dos casos, o recurso utilizado pelo STF de realizar uma votação virtual normalmente é utilizado para casos onde não há relevante repercussão. Ainda há alguma possibilidade de que algum dos ministros peça vista e o novo julgamento se estenda por um prazo bem maior que o normal.

Lula manda recado à militância

Mesmo preso há mais de um mês, Lula afirmou ser "candidatíssimo" à Presidência da República. O recado do petista foi transmitido pelo teólogo Leonardo Boff, um dos poucos que conseguiu visitá-lo na prisão onde está recluso e com quase todas as visitas embarreiradas.

Através de Boff, Lula ainda disse que Moro não conseguiu provar nada contra ele. Ao retratar a situação do ex-presidente na reclusão, o teólogo afirmou que Lula segue confiante em uma reviravolta, nas palavras de Boff, o ex-presidente está "entusiasmado".

Leia Também

Next post

Lembra dela? Atriz de RBD impressiona em ensaio de maiô na praia após emagrecer

Aluno denuncia bela professora por tirar sua virgindade no motel e detalhe choca: ‘Me ensinou tudo’