NOTÍCIASPolítica

Segundo denúncias, Garotinho teria subornado juiz para não ser preso

Segundo informações do jornal Folha de São Paulo o ex-governador do Rio de Janeiro, Anthony Garotinho, teria tentado subornar um juiz para evitar sua prisão. As denúncias feitas serão apuradas conforme inquérito aberto pela Polícia Federal (PF) por requerimento da Procuradoria Regional Eleitoral do Rio (PRE/RJ).

A solicitação da PRE/RJ é fundamentada por acusações feitas pelo juiz Glaucenir Silva de Oliveira, da 100ª Zona Eleitoral de Campos, responsável pela autorização da prisão do ex-governador.

O juiz afirmou à procuradoria que Garotinho e seu filho, Wladimir Matheus, ofereceram “quantias milionárias” a conhecidos para evitar sua prisão. Segundo o procurador regional eleitoral, Sidney Madruga, o ex-governador ofereceu dois valores como suborno: um de R$ 1,5 milhão e o outro de R$ 5 milhões em troca de “decisões favoráveis aos investigados”.

 

Garotinho foi preso na última quarta-feira (16) sob suspeita de comprar votos em Campos dos Goytacazes. Ele foi nesta madrugada (19) para o Hospital Quinta D’Or para exames médicos, por determinação da juíza Luciana Lóssio, do TSE.

Leia Também

Marli Prado Ulprist

Jornalista, assessora de imprensa e sócia - diretora do 1 News Brasil, formada há mais de 10 anos em comunicação social com habilitação em jornalismo. Amo a minha profissão e escrever é o que mais gosto, é mais que um hobby, é muito amor envolvido em cada matéria. Para entrar em contato comigo mande um e-mail para marli@1news.com.br

ARTIGOS RELACIONADOS

error: Conteúdo Protegido!

AdBlock Detectado

Considere nos apoiar desabilitando o bloqueador de anúncios.