SaúdeVARIEDADES

Novembro azul: campanha mundial de conscientização sobre o câncer de próstata

Novembro Azul é uma campanha mundial de conscientização sobre a importância da prevenção de doenças masculinas. O foco da campanha está no Câncer de Próstata, cuja estimativa de novos casos registrados no Brasil é de quase 62 mil novos casos somente este ano, segundo dados do INCA (Instituto Nacional do Câncer).

A doença ocupa o segundo lugar do ranking dos casos incidentes entre os homens, atrás apenas do câncer de pele não melanoma. Em valores absolutos, é o sexto tipo mais comum no mundo e o mais prevalente na população masculina.

O câncer de próstata é assintomática em seu estágio inicial, os seus sintomas começam a aparecer na fase avançada ou metastática. Outro fator muito importante que deve ser observado é a idade, pois 3/4 dos casos no mundo ocorrem a partir dos 65 anos, período em que o paciente costuma ter outras doenças associadas como o risco cardiovascular aumentado.

“Como há um risco alto de doenças cardiovasculares em idosos com câncer de próstata, é fundamental que o estado de saúde do paciente seja levado em consideração para a escolha do tratamento mais adequado, especialmente se o indivíduo apresentar histórico de doença cardiovascular ou pertencer ao grupo de risco”, explica Ariane Macedo, cardiologista e Vice-Presidente do Grupo de Estudos em Cardio-Oncologia da Sociedade Brasileira de Cardiologia.

Dados apontam que cerca de 30% dos homens com câncer de próstata possuam doenças cardiovasculares associadas. Nestes casos estudos demonstraram que o tratamento hormonal antagonista demonstrou a redução do risco de eventos cardiovasculares em 56% quando comparado às terapias agonistas através de uma metanálise.

 

“O tratamento com o bloqueador degarelix proporciona diversos benefícios aos pacientes, como supressão rápida da testosterona e não ocorrência do flare clínico, ou seja, picos de hormônios que causam dores ósseas, compressão medular e outros comprometimentos de saúde resultantes do câncer de próstata avançado”, explica João Carvalho, urologista do Hospital Federal Cardoso Fontes (RJ).

Leia Também

Marli Prado Ulprist

Jornalista, assessora de imprensa e sócia - diretora do 1 News Brasil, formada há mais de 10 anos em comunicação social com habilitação em jornalismo. Amo a minha profissão e escrever é o que mais gosto, é mais que um hobby, é muito amor envolvido em cada matéria. Para entrar em contato comigo mande um e-mail para marli@1news.com.br

ARTIGOS RELACIONADOS

error: Conteúdo Protegido!

AdBlock Detectado

Considere nos apoiar desabilitando o bloqueador de anúncios.