EconomiaNOTÍCIAS

Mulher estupra rapaz em rua paulista por achá-lo muito atraente

A Polícia de Praia Grande, no litoral Paulista, tem um mistério para resolver: o estupro de um homem. O estudante, de apenas vinte e um anos, descia do ônibus e ia em direção ao caminho de casa durante a noite, quando uma mulher o parou. Insandecida, ela chorava e dizia que o namorado a havia abandonado. Muito carente, ela alertou para o fato do rapaz ser muito atraente, então, pediu para fazer sexo com ele. O garoto, achando tudo muito estranho, acabou negando a prática.

Ardilosa, a acusada então disse que acusaria o estudante de estupro, caso ele também não aceitasse ter relações com ela. Com medo, ele aceitou seguir a moça até à sua casa. No entanto, ainda no meio do caminho, ela decidiu que queria o ator no meio da rua. Atrás de um carro, em uma viela abandonada, os dois fizeram a prática. Já satisfeita, a mulher deixou o rapaz seguir a vida. A camisinha que ele usou, no entanto, acabou estourando. Ele contou a situação para a mãe, que o levou para tomar remédios contra doenças sexualmente transmissíveis. Em seguida, um boletim de ocorrência foi registrado.

A polícia ainda não identificou a “devoradora” de homens. 

Leia Também

ARTIGOS RELACIONADOS

error: Conteúdo Protegido!

AdBlock Detectado

Considere nos apoiar desabilitando o bloqueador de anúncios.