NOTÍCIAS

Preso engole celular e é socorrido em hospital

Era uma revista surpresa no Centro de Detenção Provisória (CDP) de Jundiaí, onde ocorreu um caso inusitado, para se livrar do flagrante de estar com um aparelho em mãos, Douglas Eduardo Quirino Lopes, de 21 anos, teve a brilhante ideia de engolir o celular de aproximadamente 7 cm de comprimento. Não poderia dar certo, e não deu mesmo.

O medo das consequências de ser encontrado com um celular na cela, nem de longe passou pela cabeça de Douglas o que poderia ser pior, se ser pego com o aparelho na cela ou no estômago. Pensando um pouco… Não difere em nada, pois ele foi pego do mesmo jeito.

Desconfiado da atitude do preso, o agente penitenciário que estava de plantão no momento do ocorrido resolveu levar Douglas até um hospital em Jundiaí. O preso só confessou ter engolido o aparelho após a detecção do mesmo no exame de raio-x.

Foi necessário que os médicos realizassem procedimentos para que o preso expelisse o celular pela boca, se não funcionasse, os profissionais teriam que apelar por uma cirurgia. Segundo o delegado, a questão agora é descobrir quem foi que levou o aparelho até o preso. Douglas recebeu alta dos médicos e já retornou para a carceragem.

Leia Também

ARTIGOS RELACIONADOS

error: Conteúdo Protegido!

AdBlock Detectado

Considere nos apoiar desabilitando o bloqueador de anúncios.