NOTÍCIAS

Nova tecnologia traz casa 100% sustentável e com baixo custo

Com o auge da crise no País os brasileiros estão economizando mais e investindo menos, principalmente na área da construção civil. Uma saída para quem deseja construir um imóvel, seja para morar ou para negócios, é a utilização de container, que além de poder ser transformado em vários outros recursos, também pode se transformar numa casa, uma casa sustentável.

 

Anualmente o país perde uma quantia de R$ 8 bilhões por não reciclar os itens da construção civil, pois o índice de reuso é baixíssimo e desperdiçado, segundo dados da Abrecon (Associação Brasileira para Reciclagem de Resíduos de Construção Civil e Demolição). A pesquisa também mostrou que 60% do lixo sólido das cidades são referentes à construção civil e 70% desse montante poderia ser reutilizado. Com números altos, a construção civil é uma das grandes poluentes hoje.

 

O CEO, Lyncoln Lemes, da Up! Containers, construtora especializada neste segmento, quem trouxe a ideia do uso de containers para a construção civil após ter contato com o conceito na Califórnia, onde fazia MBA. “Nossa missão é utilizarmos a criatividade a favor da economia e da sustentabilidade na construção civil”, afirma Lemes.

 

O escritório e showroom conta com quatro containers e tem o conceito todo de reutilização com foco totalmente voltado para a sustentabilidade. “A água da chuva é captada e reusada para o jardim, automação residencial para ventilação e revestimento termo-acústico”, explica o empresário. Outros materiais como tijolos, madeiras de demolição, latões, pallets, entre outros também são reutilizados.

 

Para muitos a ideia de construir uma casa utilizando a tecnologia de container gera duvidas e levanta a hipótese da construção ser quente, abafada e fazer muito barulho. O CEO esclarece que os materiais utilizados para o revestimento deixam o espaço completamente adequado ao uso e tem a vantagem do projeto ficar até 35% mais barato e ser levantado até cinco vezes mais rápido que a construção comum.

 

Outro beneficio que o projeto proporciona é o certificação Leed (Leadership in Energy and Environmental Design), expedido para quem se enquadra em rígidos padrões de quem busca a sustentabilidade na construção civil, diz Lemes.

 

A sede da empresa fica em Presidente Prudente, interior de São Paulo, mas atua em todo o Brasil, com obras já concluídas e em andamento principalmente nos estados de São Paulo e Rio de Janeiro.

 

 

Leia Também

Marli Prado Ulprist

Jornalista, assessora de imprensa e sócia - diretora do 1 News Brasil, formada há mais de 10 anos em comunicação social com habilitação em jornalismo. Amo a minha profissão e escrever é o que mais gosto, é mais que um hobby, é muito amor envolvido em cada matéria. Para entrar em contato comigo mande um e-mail para marli@1news.com.br

ARTIGOS RELACIONADOS

error: Conteúdo Protegido!

AdBlock Detectado

Considere nos apoiar desabilitando o bloqueador de anúncios.