NOTÍCIASPolicial

Menina confidencia abuso sofrido em carta para Papai Noel

Um tênis, uma camiseta ou uma calça jeans, foram os pedidos de uma menina de 13 para ao Papai Noel desse ano. Além dos pedidos, a garota escreveu algo que chamou atenção na cartinha, a jovem confessou ter sido abusada pelo padrasto e pediu para que o Bom Velhinho, não constasse a ninguém.

Com letras garrafais a mensagem foi visualizada pelo professor da escola pública, local onde a menina estuda localizada no interior paulista na cidade de Bauru.

Imediatamente, o educador acionou o Conselho Tutelar que retirou a jovem de sua residência, levando-a para lugar seguro, ou seja, um abrigo de competência da prefeitura. O acusado [padrasto] do suposto abuso encontra-se em investigação.

O professor que descobriu a ‘barbárie’, concedeu uma entrevista a uma Rede de Televisão e relatou que os alunos do colégio das idades de 7 a 13 anos, foram instruídos a escreverem cartinhas para o Papai Noel no início desse mês de dezembro. A iniciativa é uma forma de ajudar e trazer um pouco de alegria as crianças, pois assim, há uma possibilidade dos pedidos serem realizados.

A tática seria enviá-las [cartas] ao programa promovido pelos Correios, para que fossem adotadas “por pessoas interessadas em atender aos pedidos” das crianças. Mas, quando o professor leu o teor daquela  correspondência, não acreditou e tratou logo de proteger jovem criança, acionando o Conselho Tutelar.

 

 

Leia Também

ARTIGOS RELACIONADOS

error: Conteúdo Protegido!

AdBlock Detectado

Considere nos apoiar desabilitando o bloqueador de anúncios.